Barbie e Oppenheimer fazem HISTÓRIA ao arrecadarem juntos R$ 100 milhões em bilheteria na semana de estreia

Rodolfo Teles
By Rodolfo Teles 2 Min Read

Segunda maior abertura de quinta-feira dos últimos tempos, da estreia até ontem, domingo, o live-action de Barbie levou mais de 4 milhões de pessoas aos cinemas de todo o País. O filme da boneca mais famosa do mundo arrecadou cerca de R$ 84 milhões só no Brasil.

Quem também performou muito bem no final de semana e levou mais de 500 mil pessoas às salas de exibição foi Oppenheimer. O longa gerou R$ 13 milhões em bilheteria. Nos Estados Unidos e Canadá, a soma da bilheteria desses dois lançamentos chegou a US$ 235,5 milhões. E, segundo o jornal The New York Times, o sucesso sinaliza que Hollywood finalmente se recuperou da pandemia.

“A performance deste final de semana só reforça o que sempre falamos. O cinema é muito mais do que um programa, é uma experiência de cultura e diversão. É o lazer preferido das famílias brasileiras e um dos mais democráticos, afinal, um ingresso custa, em média, R$20.Quanto mais filmes de qualidade tivermos, mais rápido iremos igualar ou até superar os níveis de bilheteria pré-pandemia. Filme após filme, o resultado obtido está acima do esperado”, destaca Marcos Barros, presidente da ABRAPLEX – Associação Brasileira das Empresas Exibidoras Cinematográficas Operadoras de Multiplex.

Após ter a maior pré-venda de ingressos na história da Warner no Brasil, Barbie estreou semana passada, 20, com outro recorde, se tornou a segunda maior abertura de quinta-feira dos últimos tempos, com 1,2 milhões de pessoas, ficando atrás apenas de Vingadores Ultimato. A renda ultrapassou a casa dos R$ 22 milhões. No mesmo dia, Oppenheimer fez 110 mil de público e pouco mais de R$2,4 milhões de renda.

Compartilhe